Os prefeitos da Amures aprovaram em assembleia extraordinária por videoconferência que a partir desta quarta-feira (10), fica autorizada em todo o território da Serra Catarinense a ocupação de 70% da capacidade das atividades exercidas por hotéis, pousadas, albergues e estabelecimentos do gênero.


A flexibilização das atividades de turismo é um primeiro sinal para a retomada econômica do setor que é o mais castigado pela pandemia da Covid-19. Mesmo aprovada pelos prefeitos, as medidas ainda serão submetidas à validação das autoridades sanitárias municipais e regionais, quanto às medidas de enfrentamento à pandemia no âmbito do turismo regional.


Os prefeitos deliberaram também, o transporte coletivo de turistas e de pacientes para tratamento fora de domicílio, que não poderá ultrapassar 50% da capacidade do veículo. A exceção é o transporte coletivo urbano de Lages que opera desde segunda-feira, com lotação máxima de usuários apenas sentados.


Já o transporte de alunos universitários para aulas presenciais obedecerá a regra de 50% de lotação. As medidas são complementadas com uma série de exigências preventivas como lavagem e desinfecção das superfícies nas áreas de circulam das pessoas, medição da temperatura, uso de álcool 70% nas formas líquida, gel, spray, espuma ou lenços umedecidos e medidas diversas como distanciamento mínimo de um metro e meio.


Para os guias de turismo local, o trabalho está permitido desde que os clientes sejam oriundos dos meios de hospedagens locais. E, por enquanto, fica vetada a atividade de guia de outras regiões ou excursões na Serra Catarinense. O presidente da Amures, prefeito de Correia Pinto Celso Rogério Alves Ribeiro, coordenou a assembleia dos prefeitos e disse que a flexibilização de algumas medidas não significa relaxamento geral.


O prefeito de Lages Antônio Ceron confirmou aos prefeitos ter sido diagnosticado positivo para coronavírus em teste rápido e reforçou a necessidade de manter as medidas sanitárias preventivas. Os prefeitos trataram, ainda, da continuidade de serviços de abertura de poços artesianos que concluiu trabalho em São Joaquim e hoje está em Lages.

 Por Notiserra SC