O escultor José Cristóvão Batista está trabalhando na produção de importante escultura que se transformará em monumento em homenagem aos tropeiros, figuras muito conhecidas da história do Brasil.

Na verdade, este monumento, encomendado pela Uniplac, constitui-se em um conjunto de esculturas, sendo que na primeira etapa do trabalho estão sendo esculpidos sete bois e um mula carregada de bruacas e mais uma mula montada por um tropeiro. Ao todo, o monumento será formado por 20 esculturas.

“O tropeiro montado na mula é o personagem histórico Cristóvão Pereira de Abreu, ele que foi o pioneiro na passagem pelo Caminho das Tropas (Viamão-Sorocaba). Portanto, o monumento encomendado pela Uniplac será uma homenagem aos tropeiros, taipeiros e ao gado franqueiro (Crioulo Lageano)”, explica o escultor.

Para produzir esse conjunto de esculturas, Batista se utiliza da técnica de esculpir com concreto armado e argamassa. Ele iniciou este trabalho em 2019.

 “este monumento foca na importância de se resgatar a histórica e na preservação dos patrimônios históricos” comenta o escultor.