Neste momento em que muitas pessoas e famílias passam por extrema necessidade, tendo em vista o período de pandemia, o Instituto Dorvalino Comandolli (IDC) teve uma ideia muito interessante e elogiável. Implantou a “Geladeira Solidária” que se constitui em ponto de coleta de donativos e ao mesmo tempo de local onde os mais necessitados podem se abastecer dos alimentos ali depositados voluntariamente.

A “Geladeira Solidária” está instalada em frente ao IDC, localizado na rua Cirilo Vieira Ramos, 1434, no bairro Bom Jesus, próximo à ponte de acesso ao bairro Caça e Tiro.

A ideia, segundo explica o diretor executivo do IDC, Wilson Barros, é que esta ação solidária se multiplique e ganhe contornos comunitários, pois é sabido que muitas são as pessoas que precisam de ajuda nesta época de pandemia. “Recebemos a doação de mais três geladeiras e implantaremos mais três pontos, um no bairro Coral e dois no Centro da cidade”, anuncia Wilson.

“As pessoas necessitadas podem se servir da “Geladeira Solidária” levando a quantidade de alimentos que precisam, momentaneamente. E aquelas pessoas que desejarem doar alimentos poderão fazer isso também a qualquer hora, depositando suas doações na geladeira”, fala Wilson.

Podem ser depositados na geladeira alimentos diversos, acondicionados, desde frutas, verduras, lacticínios, embutidos, sanduíches, pães etc. Além disso as pessoas que desejarem doar alimentos em maior quantidade podem procurar o IDC, no endereço informado acima no texto ou então entrar em contato direto com o instituto através do site http://www.idcbrasil.com.

 

IDCBrasil

 

O Instituto Dorvalino Comandolli faz parte da Turma da Árvore sendo uma entidade cujo lema é “Fazer o bem não tem contraindicação” e que na atualidade desenvolve uma série de atividades voltadas a ajudar as pessoas e famílias mais necessitadas. Oferece serviços de assistência social, com atendimento médico-odontológico e vários cursos gratuitos.

O IDC está integrado à região Serrana interagindo com quem mais precisa e também com o voluntariado que se sente disposto a contribuir com o trabalho do instituto.

 “Todos são bem-vindos ao IDC, visite-nos, venham conhecer o nosso trabalho e se integrar a este trabalho que visa atender os mais necessitados de nossa sociedade”, conclui Wilson Barros, mais conhecido como Dr. Ilson.

 

 

Wilson Barros e Alex Comandolli

Foto: Gugu Garcia