Nesta quinta-feira (3), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de SC (Fecomércio/SC), recebeu o presidente da Comissão de Turismo da Assembleia Legislativa de SC (Alesc), Ivan Naatz (PL), para discutir as demandas apontadas pelo setor na última reunião da Câmara Empresarial de Turismo da entidade. Durante o encontro, Naatz foi apresentado ao novo presidente do colegiado, Marco Aurélio Floriani.

As lideranças solicitaram ao deputado apoio no pleito sobre a mudança das medidas aplicadas ao setor hoteleiro, alterando a ocupação máxima para 60% na cor vermelha do mapa de risco. Atualmente, nesta condição, a ocupação permitida é de 30%.

"Os hotéis estão cumprindo uma série de medidas rigorosas e são locais de segurança sanitária", apontou Floriani.

A liberação das atividades do setor de eventos e feiras, com restrição total ou parcial desde março, também foi debatida na reunião. O setor contribuiu na construção de protocolos bastante rígidos junto a Secretaria de Estado da Saúde e Vigilância Sanitária, mas ainda não foram colocados em prática em função da restrição de funcionamento.

"É fundamental que todas as atividades possam coexistir com o período de pandemia, resguardando os empregos e a atividade econômica setorial", ressaltou. 

O parlamentar afirmou que encaminhará os pleitos ao governo de Santa Catarina. O presidente da Fecomércio/SC, Bruno Breithaupt, também garantiu que as questões seriam discutidas no encontro do Grupo Econômico com o governo do Estado.