As novas tarifas do transporte público municipal de Lages, da empresa Transul, passam a vigorar neste próximo domingo (10). O reajuste se deu após avaliação da planilha de custos enviada pela empresa à Prefeitura. Por decreto, o prefeito Antonio Ceron autorizou o aumento médio ponderado de 3,95%, num percentual abaixo da inflação medido pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), compilado em 4,31% entre os meses de dezembro de 2019 e novembro de 2020. O percentual autorizado eleva o preço da tarifa embarcada para R$ 4,50. A antecipada terá o valor de R$ 4,30. Já para estudantes, a metade do valor da antecipada, em R$ 2,15, e aos professores, R$ 3,01.

 

 

O diretor administrativo da Transul entendeu a preocupação do prefeito Antonio Ceron, em não conceder um aumento acima da inflação, neste momento crítico da pandemia do novo coronavírus, e que afeta a vida de toda a sociedade lageana. Humberto observa que outros índices apresentam percentual de inflação mais elevados e que balizam as majorações, caso do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), de 5,20%, e do Índice Geral de Preços Mercado (IGPM), de 24,51%.

 

Na Transul, a pandemia provocou severos desequilíbrios econômico-financeiros, consequência da drástica redução de passageiros. O entanto, a direção e o próprio Município, entendem que não podem deixar de considerar a necessidade do aumento, motivado também pela elevação dos preços dos principais insumos utilizados na operação dos serviços, tais como, salários, diesel, pneus e dos ônibus. “Apesar dos novos preços das tarifas, em Lages, a Transul segue a tradição de manter um dos menores preços do transporte urbano de Santa Catarina”, enfatiza Humberto.

 

 

 

Mais informações: Humberto Arantes- 49 99936 0789