Foram atendidas pela Polícia Militar Ambiental nesta quarta-feira (25/01), três ocorrências, duas no município de São Joaquim e uma em Campo Belo. No período matutino a viatura se deslocou até a localidade São Sebastião do Arvoredo, que fica no interior do município de São Joaquim, e constatou uma serraria móvel contendo uma serra fita movida por propulsão mecânica com utilização de um trator, instalada no interior de uma propriedade, sem licença. Foi confeccionado processo administrativo e criminal. Em ato contínuo a viatura se deslocou até a rua Alfredo Lueneberg, no bairro Bandeira, onde foi constatado em uma residência, um depósito de lenha nativa perfazendo um total de 66 estéreo de lenha nativa sem o devido documento de origem florestal. Foram lavrados os documentos relacionados  ao fato em questão.  A Guarnição da Polícia Ambiental, se deslocou até a localidade de Atanásio Pereira, interior do município de Campo Belo do Sul, a fim de atender ocorrência inerente a construção irregular de açude. No ato foi realizado vistoria na propriedade e constatado irregularidades no tocante a flora, foi então realizado aferição do local e levantamento fotográfico. Logo após, a guarnição deslocou até ao município de Lages, onde foi realizado contato com o proprietário do terreno em questão, indagado com relação a licença para a atividade de implantação de açudes, o mesmo informou que não possuía. No ato, a guarnição realizou os procedimentos inerentes ao fato, sendo o proprietário autuado administrativamente e criminalmente. Informações Polícia Ambiental de Lages