Homens e máquinas da Secretaria Municipal do Meio Ambiente foram deslocados para trabalhos de limpeza e desassoreamento do rio Carahá, no ponto logo abaixo da galeria da avenida Belisário Ramos, descida do bairro Triângulo, exatamente na altura da confluência da rua Cristiano Brascher. Esta galeria dá vazão às redes pluviais que cruzam parte do bairro Triângulo – desde imediações da avenida Marechal Floriano. -, vindo a formar o córrego que deságua no rio Carahá.  Com o passar do tempo, os detritos despejados através da galeria pluvial foram se acumulando no leito do córrego, obstruindo-o quase que totalmente. Daí a necessidade de um trabalho de desassoreamento e limpeza geral por parte da Secretaria do Meio Ambiente. O verdadeiro leito do rio Carahá desce em direção ao Centro da Cidade de uma área localizada entre os bairros Área Industrial-Santa Cândida e Ipiranga – cruzando a poucos metros abaixo da ponte do cruzamento da Belisário Ramos com a rua Mateus Junqueira. Informações Iran Rosa de Moraes / Foto: Toninho Vieira / Assessoria de Imprensa Prefeitura