Entre os dias 15 de março e 30 de abril estarão abertas as inscrições para 300 vagas das aulas do Programa Nacional de Inclusão de Jovens (Projovem Urbano) em Lages, que acontecerá com a parceria entre Ministério da Educação, Secretaria Municipal do Trabalho e Geração de Renda e Secretaria Municipal da Educação. Do total de vagas reservadas ao Projovem Urbano, 30 serão destinadas ao Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), através do curso de operador de computador, com aulas ministradas por profissionais do Serviço Nacionla de Aprendizagem Industrial (Senai). Os alunos deste curso serão direcionados ao Pronatec por meio do Projovem Urbano. Além de concluir o ensino fundamental, os jovens do Projovem Urbano receberão, se comprovada frequência mínima de 75% às aulas, uma bolsa auxílio de R$ 100,00 durante cada um dos 18 meses de duração do programa. As aulas começam dia 7 de maio, no período noturno, nos Centro de Atenção Integral a Criança (Caic) Nossa Senhora dos Prazeres, no bairro Santa Catarina, e Caic Irmã Dulce, no Guarujá. Os jovens que tiverem filhos não precisam se preocupar, pois haverá salas de acolhimento para crianças de 0 a 8 anos, com educadores para acompanhamento. A oportunidade de voltar a estudar será estendida aos portadores de deficiência, pois serão disponibilizados educadores para atendimento especializado, além de tradutores e intérpretes de libras. De forma integrada, as aulas de português, matemática, inglês, ciências humanas e da natureza, serão ministradas paralelamente ao conteúdo teórico da qualificação profissional, com os cursos na área de alimentação, e de construção e reparos - instalações. Na área de alimentação o jovem estará habilitado a exercer as ocupações de chapista, cozinheiro auxiliar, repositor de mercadorias e vendedor ambulante de alimentos. No arco ocupacional das instalações o jovem estará apto a desempenhar as funções de eletricista de edifícios, na manutenção de edificações, instalador e reparador de linhas e aparelhos de telecomunicações e instalador de sistemas eletrônicos e de segurança. Após a teoria, os alunos terão aulas práticas e irão desenvolver ações comunitárias, com aspecto voluntário, na participação cidadã. O jovem poderá optar pelo curso no momento da inscrição, que será realizada na Secretaria do Trabalho e Geração de Renda (rua Frei Rogério, 44, Centro, ao lado da Lagetur). Para se inscrever, o interessado deve levar à secretaria, somente no período de inscrições abertas, carteira de identidade, CPF, carteira de trabalho e histórico escolar para comprovar que não concluiu o ensino fundamental. Informações Daniele Mendes de Melo