A União das Câmaras de Vereadores da Serra Catarinense (Uveres) definiu na tarde de quarta-feira (14), sua nova diretoria para o biênio 2021/2022. A instituição hoje passa por dificuldades financeiras, mas busca uma solução que fortaleça seu papel como representante do Poder Legislativo na região da Serra, e diante do desafio de reestruturá-la. Houve consenso pelo nome do Presidente da Câmara de Lages, Gerson Omar dos Santos (PSD), para estar à frente dos trabalhos contando com mais dois legisladores de Lages, José Osni (Podemos) e Katsumi Yamaguchi (Progressistas).

A composição ficou definida com os seguintes Vereadores e Vereadoras:

Presidente: Gerson Omar dos Santos (PSD) - Lages

Vice-Presidente: Jeinefer Souza Andrade (Progressistas) - Urupema

1º Secretário: João Cristiano Rodrigues (PSD) - Bom Jardim da Serra

2º Secretário: Fabrício Rodrigues de Brida  (PL) - Urubici

1ª Tesoureira: Katsumi Yamaguchi (Progressistas) - Lages

2º Tesoureiro: Sanato Warmling  (Progressistas) - Urubici

Diretor de Patrimônio: Macson Pucci (MDB) - Campo Belo do Sul

Diretor de Relações Públicas: José Osni Oliveira (Tio Zé) (Podemos) -Lages

Diretor de Esportes: Anderson Cleiton de Matia (PSB) – Celso Ramos

Diretor de Assuntos Legislativos: Anderson Amarante de Liz (Progressistas) - Otacílio Costa

Diretor de Cursos e Treinamentos: MIchely Girard Santos (MDB) -  São Cristóvão do Sul

Diretor de Serviço Social:  Daniel Ângelo dos Santos (PT) - Ponte Alta

Diretor Cultural: João Eduardo de Souza (MDB) - Urupema

 

 Katsumi Yamaguchi, presidente da Escola do Legislativo da Serra, esteve presente na reunião com o propósito de apresentar as ideias e os projetos que serão desenvolvidos a partir do mês de agosto, mas a sua presença gerou também o convite para participar da nova diretoria como tesoureira. A Vereadora lageana aceitou o desafio e assumiu também o compromisso da parceria pela Escola do Legislativo. “Temos projetos acontecendo através da Assembleia Legislativa, faremos parcerias com setores e instituições que possam contribuir com treinamentos e capacitação para legisladores e servidores das Câmaras da região serrana”, afirmou a Vereadora.  Segundo ela, já estão previstos para o próximo mês cursos nas áreas de licitações, comunicação e técnicas legislativas.

Para o Vereador José Osni, o desafio maior é não deixar a Uveres fechar as portas. “Podemos unir forças para reestruturar, fazer coisas boas que ajudem os vereadores da região.  Quero dar a minha contribuição, pois conheço o trabalho da Uveres desde quando nem era vereador, sei da sua importância e acredito que podemos fazer muito” declarou Tio Zé.

 Atualmente, com algumas dívidas acumuladas e sem sede própria, o órgão conta com o apoio da Associação dos Municípios da Região Serrana (AMURES). Segundo Walter Manfroi, Secretário Executivo da Associação dos Municípios, “O crescimento da região é responsabilidade conjunta entre os Poderes, assim colocamos nossa estrutura física à disposição, cedendo sala para reuniões, nosso endereço para correspondências, despacho de expediente e estudamos a possibilidade de futuramente abrigar a Uveres com sua sede junto à Amures, o que preserva o respeito na relação política, visando o bem comum, a valorização do potencial turístico serrano” finalizou Manfroi.

Gerson Omar dos Santos, Presidente do Legislativo Lageano, foi para reunião com o intuito de entender o cenário e identificar como ajudar a instituição e no desenvolver dos trabalhos acabou aclamado Presidente da Uveres. “Nossa Câmara nunca deixou de contribuir e eu não quero marcar minha trajetória de vereança como alguém que ajudou a fechar uma instituição representativa tão importante. Assim, quando assumi o compromisso de manter nossa colaboração, conclamei os colegas vereadores da Serra, presentes na reunião, para o mesmo objetivo. Juntos seguiremos com a missão de salvar a Uveres” ressaltou o Vereador.